Você conhece o verdadeiro sabor dos alimentos? Ou você é Do tipo que põe açúcar e sal em tudo?

Excesso de nada faz bem. Mas hoje vamos falar do Açúcar .

O açúcar, encontrado no nosso organismo na forma de GLICOSE alimenta as nossas células e é tão necessário para o bom funcionamento dele, que o corpo tem estratégias para manter os níveis de açúcar no sangue, onde independentemente do tipo de alimento ingerido, seja carboidrato, proteína ou gordura, o corpo dará seu jeito de produzir glicose. Mas o excesso pode nos causar muitos problemas de saúde, inclusive os relacionados ao câncer.

Então o que fazer? substituir tudo por adoçante?

Não, nem todos os adoçantes disponíveis no mercado são seguros. É preciso coragem para reaprender que existe outros sabores além do doce e do salgado.

Para quem consegue cortar de imediato o açúcar de adição na alimentação (digo açúcar no café, suco, doces, etc) ótimo. Mas se pra você é mais difícil, não precisa de estresse (porque o estresse pode fazer nosso organismo produzir mais glicose). Então faremos uma transição mais leve.

Comece:

  1. Substituindo o açúcar refinado por versões naturais como cristal e demerara, açúcar mascavo, outras opções são mel de abelha, melado de cana, purê de frutas, açúcar de coco. Opte por versões orgânicas.
  2. Diminua gradativamente a quantidade de açúcar nas preparações. Por exemplo: se coloca 1 colher de chá no café, passe a colocar ½ colher, no primeiro gole vai possivelmente ser ruim, mas a noticia boa é que na segunda é menos e a gente se acostuma, quando se acostumar, reduza mais um pouco.
  3. Abra-se a experiência de saber o verdadeiro sabor do alimento, continuando o exemplo do café, o sabor do café é amargo e ele é delicioso desse jeito. Vamos deixar o doce para o brigadeiro.
  4. Atenção aos industrializados, esses produtos geralmente contem grande quantidade de açúcar escondidos, pelo nome de: Sacarose, Frutose, Lactose, Glicose, Glucose, Dextrose, Maltodextrina, Açúcar mascavo, Açúcar demerara, Açúcar orgânico, Açúcar invertido, Açúcar magro, Açúcar moreno, Açúcar light, Açúcar de confeiteiro, Mel, Agave, Xarope de milho.

Sendo assim, a alimentação rica em alimentos naturais como frutas, verduras e legumes ainda é a ideal. E junto com estes, os grãos integrais, carnes magras, peixes, azeite, castanhas e muita hidratação com água e chá serão o seu combustível para uma boa saúde.

Abraços,

 

Então? Gostaram da dica de nossa nutricionista de hoje? Agora é só iniciar com a mudança de hábitos.

Se você curtiu este post, e gostaria de ler os anteriores enviados por ela, basta acessar a categoria Saúde Física, ler e compartilhar com as amigas. E não se esqueçam, continuem participando deixando seus comentários e enviando suas dúvidas.

Um forte abraço

Lene Resieri