A escolha do dia 08 de março para comemorar o Dia Internacional da Mulher não foi um a escolha aleatória, foi uma homenagem as mulheres que morrem na fábrica em 1857.
Conheça um pouco mais da história do dia 08 de março.
¨ No Dia 8 de março de 1857, operárias de uma fábrica de tecidos, situada na cidade norte americana de Nova Iorque, fizeram uma grande greve. Ocuparam a fábrica e começaram a reivindicar melhores condições de trabalho, tais como, redução na carga diária de trabalho para dez horas (as fábricas exigiam 16 horas de trabalho diário), equiparação de salários com os homens (as mulheres chegavam a receber até um terço do salário de um homem, para executar o mesmo tipo de trabalho) e tratamento digno dentro do ambiente de trabalho.
A manifestação foi reprimida com total violência. As mulheres foram trancadas dentro da fábrica, que foi incendiada. Aproximadamente 130 tecelãs morreram carbonizadas, num ato totalmente desumano.

Porém, somente no ano de 1910, durante uma conferência na
 Dinamarca, ficou decidido que o 8 de março passaria a ser o “Dia Internacional da Mulher”, em homenagem as mulheres que morreram na fábrica em 1857. Mas somente no ano de 1975, através de um decreto, a data foi oficializada pela ONU (Organização das Nações Unidas).¨
E aproveitando a oportunidade eu Lene Resieri idealizadora do projeto Seja Mais Simples, quero dedicar uma pequena homenagem a todos nós mulheres que:
Lutam e trazem beleza aos dias mais difíceis;
Que se divide em várias para atender todo mundo;
Que vira uma leoa para defender seus filhos;
Que tem paixão no olhar pelo que faz;
Que se cuida e ama incondicionalmente,
Que sonha, chora e ri ao mesmo tempo,
 
Mulheres de beleza única que mesmo sendo ¨mutiladas¨ pelo câncer não perdem o vigor, a alegria de viver e continuam sendo LINDAS MULHERES.
 
Meus parabéns guerreiras!