Quero neste artigo, dedicar algumas palavras a três itens que na minha opinião são bem chatinhos do pós cirúrgico, o dreno, o micropore e os pontos.
Quando tive alta do hospital, fui para casa cheia de pontos e com um coleguinha incomodo do meu lado direito, um pouco abaixo das minhas costelas, o famoso Dreno.
Durante 01 semana fiquei com o meu ¨cachorrinho¨ a tira colo, não doía mas era esquisito ficar conectada a esse tubo, mas enfim era necessário. Todo dia, meus ¨anjos¨ da guarda que além de fazer os curativos tinham que limpar o tal dreno, e era desagradável ver isso.
 
 
O Dreno é este tubo cirúrgico que é utilizado para remover o pussangue e secreções produzidas pós cirurgia. 
 
Alguns cuidados que devemos ter com o nosso ¨cachorrinho¨
 
Cuidados com o dreno
• Mantenha o dreno sempre preso à roupa
• Use roupas mais largas para acomodar bem o dreno
• Esvazie o coletor duas vezes ao dia (pela manhã e à tarde). Não se esqueça de anotar a quantidade de secreção que saiu

Para esvaziar o dreno
• Lave bem as mãos com água e sabão;
• Pince o tubo;
• Esvazie a bolsa sanfonada dentro de um frasco graduado, como uma mamadeira, copo ou jarra;
• Aperte e tampe a bolsa sanfonada e solte o pinçador do tubo;
• Verifique e anote a quantidade de secreção;
• Jogue fora a secreção no vaso sanitário;
• Lave as mãos.

 
O micropore é outro elemento bonitinho e inofensivo que é utilizado nos curativos e que dá trabalho, pois ele tem uma cola que gruda e não sai nuncaaaaaa. E o pior que tem que ser removida todo dia para fazer o curativo e como a pele vai ficando sensível, dói quando vai tirar.
O que usei e me ajudou a desgrudar um pouco  foi óleo, preferencialmente de bebê, que é antialérgico.
  
Os pontos são essas criaturinhas que parecem uns espinhos e que precisam ser muito bem cuidados para não inflamar, então devem ser mantidos bem sequinhos e coberto com o  famoso micropore e ao retirar deverá se ter muito cuidado, pois a cola gruda e quando o micropore é puxado a pele vem junto e pode puxar os pontos.
 
Cuidados com os Curativos
• Devem ser trocados todos os dias
• Proteja-os com um plástico no banho para que não fiquem molhados e faça a troca a seguir

Para trocar os curativos
• Lave as mãos com água e sabão;
• Ferva água filtrada e deixe esfriar em um recipiente com tampa;
• Descubra seu curativo e lave as mãos novamente;
• Jogue um pouco de água fervida na gaze esterilizada e limpe a ferida suavemente;
• Cubra a ferida com gaze esterilizada e prenda-a com esparadrapo ou fita adesiva;
• Lave as mãos mais uma vez

Cirurgia vencida, agora começa os tratamentos paralelos e a recuperação.  
 
Espero que os artigos deste blog estejam contribuindo e ajudando muitas pessoas, então compartilhe, comentem e fiquem a vontade em participar.
 
Um abração a todos vocês!